Facebook Twitter Linked In Mais opções
imagem de destaque

TML e TIP assinam protocolos de cooperação com a empresa nacional de bilhética em…

A Transportes Metropolitanos de Lisboa (TML) e a Transportes Intermodais do Porto (TIP) estão a trabalhar com a Empresa Nacional de Bilhética angolana (ENBI) no sentido de promover um intercâmbio de ideias e experiências nos domínios dos transportes.

Na presença do Secretário de Estado dos Transportes de Angola, Jorge Bengue Calumbo, TML e TIP assinaram, no dia 20 de junho, em Angola, dois protocolos de cooperação com a ENBI, na área da mobilidade urbana e implementação e gestão dos sistemas de bilhética.

Os protocolos celebrados visam desenvolver a cooperação e o intercâmbio de ideias e experiências nos domínios da mobilidade e dos transportes, bem como facilitar o intercâmbio de formadores e outros especialistas.

Para o presidente do conselho de administração da TML, Faustino Gomes, “todos os parceiros ficam a ganhar pela cooperação franca, pela troca de experiências e pela possibilidade de transferência de soluções que são importantes para as nossas empresas”. Faustino Gomes formulou a vontade “de que o protocolo seja muito mais do que um conjunto de intenções”, reforçando a convicção de que “dentro de pouco tempo, possamos estar aqui a comunicar ideias partilhadas e a celebrar trabalho conjunto, concretizado em serviços que facilitem o dia-a-dia das pessoas”. 

No mesmo sentido, Manuel Paulo Teixeira, administrador-delegado dos TIP, afirmou que “temos muito para partilhar, bem como muitos ensinamentos para retirar desta experiência, num momento em que todos enfrentamos novos desafios ao nível da mobilidade urbana”.

Mário Nsingui Pedro, Presidente da ENBI, referiu que “a qualidade e a eficiência dos transportes de passageiros em Angola, designadamente na sua capital, é um objetivo a cumprir com brevidade”, acrescentando que “a cooperação com entidades estrangeiras cuja experiência já deu frutos e é por demais conhecida é bem-vinda e dela esperamos resultados concretos para que os transportes de passageiros em Angola estejam ao nível do que realmente precisamos”.

É intenção da ENBI e do governo angolano estabelecer um título de transporte único para facilitar a mobilidade urbana naquele país, sendo os títulos de transporte navegante® e andante exemplos de sucesso e de comprovada melhoria no acesso das pessoas ao transporte nas áreas metropolitanas de Lisboa e do Porto.

Actualizado a 12/07/2023
To top